Marketing Pessoal: vida ou morte?


O Marketing Pessoal, cada dia que passa, torna-se mais importante na nossa carreira. Para dar peso a essa afirmação, irei abaixo mostrar cenários e dar exemplos. Confira e tire suas próprias conclusões, é muito melhor (e transformador!) quando nos damos conta de algo por conta própria, do que simplesmente algo ser mostrado a nós como verdade.


Em PenseGrande.net, na área de Marketing Pessoal, notamos 4 pilares: Imagem, Networking, Portfólio e Reputação, vamos conferir cada um?


Imagem: está escrito lá no site “Queira ser uma memória agradável nas pessoas”. Olha só como essa frase tem importância. Sempre queremos estar junto de pessoas, coisas e lugares agradáveis, não é mesmo? Temos aversão àquilo que nos deixa incomodados, que nos faz mal, que nos deixa com uma sensação ruim.


Então, como ser sinônimo de imagem agradável às pessoas? Seja amável, não julgue as pessoas, não fique reclamando das coisas ou de pessoas, escute mais, não fale em excesso, não tente sempre impor o seu ponto de vista, seja positivo, aberto ao novo, sorria de vez em quando, seja equilibrado (no tom de voz, nas roupas e acessórios que usa), seja verdadeiro, seja do jeito que é e importe-se com sinceridade. Sua imagem não deve agredir o outro, pelo contrário, deve ser receptiva e transparecer confiança.


Networking: “Só é notado quem é visto ou lembrado”. Esteja na memória das pessoas, para isso, será necessário se relacionar com elas de alguma forma. Existem muitas formas para fazer isso, pessoalmente, via telefone, whatsapp, e-mail, entre outras.


Nessas interações, sempre busque passar a imagem do profissional que você é, se você é um profissional especializado em inovação, que esteja implícito essa imagem, isto é, não diga ou escreva que você é um expert em inovação explicitamente, querendo passar essa imagem forçadamente, uma relação é feita de troca, esteja à disposição para ajudar a outra parte, troque alguma informação, dê a ela algo útil (uma sutil assinatura de e-mail com seu nome e a expressão “Especialista em Inovação”, já será notada e passará o recado).


Além de não deixar as relações morrerem, é importante você saber quem no seu meio, no seu setor, são pessoas bacanas para conhecer, para trocar informações. Procure essas pessoas e convide-as a trocar ideia sobre algum assunto interessante. Dica: elogie a pessoa, não chegue falando que você é o cara, tenha respeito e elogie quem você quer conhecer.


Portfólio: Com o mercado trabalhando cada vez mais com projetos, em um mundo onde formação acadêmica é importante, porém, não indica qualidade prática, os profissionais de várias áreas deverão vender o seu peixe, mostrar aquilo que já fizeram em projetos anteriores.


Montar um portfólio será muito importante para a sua carreira, por isso, todo trabalho deve ser feito da melhor forma possível, pois ele fará parte da sua bagagem, da sua carreira, do seu portfólio. Tudo será online, transparente, profissionais não qualificados serão facilmente deixados de lado, pois a concorrência é grande, e um profissional com uma imagem positiva e um bom portfólio estará muito à frente daqueles que não possuem um portfólio qualificado.


Reputação: Em um marketplace, o que te faz comprar de um vendedor ou de outro? Quando você tem dúvidas sobre uma loja virtual, você pesquisa as reclamações envolvendo ela? Quando você usa um aplicativo de transporte, você não é convidado ao final para deixar a sua opinião sobre o motorista? Quando você contrata um freelancer, você não olha a sua qualificação antes?


Não tem jeito, tudo isso compõe a reputação do profissional, cada vez mais os profissionais estarão sendo analisados por diferentes ângulos, recebendo feedbacks de seus clientes, de seus superiores, etc. Será necessário, em todas as interações, demonstrar capacidade, profissionalismo, qualidade e ética. Sua reputação é frágil e merece atenção contínua.



Em um mundo onde cada vez mais teremos profissionais autônomos, especialistas, freelancers, o marketing pessoal será, por tudo isso dito, crucial para estar bem posicionado no mercado: ter uma imagem positiva, ter uma rede de pessoas chaves, um público que te conhece, ter um ótimo portfólio com um incrível design, e uma reputação profissional de qualidade e honestidade, é o melhor dos mundos, e essa precisa ser a sua meta, não será do dia para a noite, isso é construído, passo a passo, trabalho a trabalho, contato a contato.


Edson Luiz Pocahi

Fundador e Administrador PenseGrande.net

0 visualização
  • YouTube
  • LinkedIn ícone social
  • Facebook ícone social
  • Pinterest
  • Instagram

© 2018 by PenseGrande.net           Fone/Whatsapp: (54) 98447 4494

0